Warning: include_once(rededigital/usuario.class.php): failed to open stream: No such file or directory in /home/httpd/htdocs/redecibr/rcd/mapa_rj.php on line 3 Warning: include_once(): Failed opening 'rededigital/usuario.class.php' for inclusion (include_path='.:/usr/share/pear53') in /home/httpd/htdocs/redecibr/rcd/mapa_rj.php on line 3 Warning: include_once(rededigital/municipio.class.php): failed to open stream: No such file or directory in /home/httpd/htdocs/redecibr/rcd/mapa_rj.php on line 4 Warning: include_once(): Failed opening 'rededigital/municipio.class.php' for inclusion (include_path='.:/usr/share/pear53') in /home/httpd/htdocs/redecibr/rcd/mapa_rj.php on line 4 Warning: include_once(rededigital/prestador.class.php): failed to open stream: No such file or directory in /home/httpd/htdocs/redecibr/rcd/mapa_rj.php on line 5 Warning: include_once(): Failed opening 'rededigital/prestador.class.php' for inclusion (include_path='.:/usr/share/pear53') in /home/httpd/htdocs/redecibr/rcd/mapa_rj.php on line 5

Rede Cidade Digital, O que é Cidade Digital? Como funciona uma Cidade Digital? Como implementar Cidades Digitais? Lista das Cidades Digitais, Mapa das Cidades Digitais, Benefícios de uma Cidade Digital, Programa de Cidades Digitais do Governo Federal

Mapa das Cidades Digitais - Rio de Janeiro

Mapa das Cidades Digitais - Rio de Janeiro

As cidades apresentadas nos mapas estaduais são definidas por meio de sistematização de dados de municípios que possuem características necessárias para a constituição de uma cidade digital, tendo como base a pesquisa Perfil dos Municípios Brasileiros do Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE) e informações de veículos oficiais de comunicação das prefeituras e governos estaduais. Os critérios para a indicação de cidade digital partem do princípio de que estes municípios atendam, no mínimo: o fornecimento de sinal de internet (Wi-Fi) gratuito para os cidadãos, em sua totalidade ou em determinada área; e/ou, disponibilidade de ferramentas e infraestrutura de governo eletrônico (e-gov), como serviços de atendimento via web ou ligação de órgãos e prédios públicos por meio de cabeamento óptico.

Cidades com iniciativas digitais
Cidades que compõem o Sistema UNI

Área:43 696,054 km²
Habitantes:15 993 583
Região:Sudeste
Governador:Sérgio Cabral Filho (PMDB)
Site do Governo: rj.gov.br
Portal Digital: N/D

Rio de Janeiro (33 cidades)

Internet Gratuita

O Projeto Município Digital, desenvolvido pelo Centro de Tecnologia da Informação e Comunicação do Estado do Rio de Janeiro (Proderj),  tem por objetivo levar às cidades fluminenses acesso à Internet em alta velocidade, sempre priorizando aqueles municípios que possuem menos de 50 mil habitantes, os quais dificilmente são contemplados por investimentos das operadoras de telecomunicações, por falta de viabilidade comercial. o Projeto Município Digital é desenvolvido em duas fases: inicialmente, executa-se a interconexão dos órgãos que compõem o governo municipal local, assim como das escolas públicas e dos hospitais; em seguida, disponibiliza-se a tecnologia diretamente para o cidadão, através da instalação de telecentros públicos que garantem um acesso fácil e gratuito à web. Também na segunda etapa, os serviços passam a ser oferecidos para entidades privadas e empresas. Dessa forma, o projeto contribui para a modernização da gestão pública, para a inclusão digital da população e para o desenvolvimento econômico dos municípios.

As cidades de Piraí, Rio das Flores e Mangaratiba foram as primeiras contempladas com a conclusão das duas etapas do projeto e já estão colhendo os frutos da iniciativa. Nos municípios de Valença e de Resende, localizados na região do Médio Paraíba, a primeira fase ainda está em execução, mais especificamente nos distritos de Conservatória e Visconde de Mauá, respectivamente. O mesmo acontece na cidade de Paraty, na região da Baía da Ilha Grande.

Em julho de 2007, a sexta localidade a receber o projeto de cidades digitais foi Paraty, localizada na região da Baía da Ilha Grande, no Sul fluminense. Implantada em parceria com a companhia norte-americana NextWave, a rede wireless de Paraty foi a primeira no estado do Rio que, desde a fase piloto, incluiu no desenho de sua rede lógica um link privado – além do link público para atender aos entes de governo –, especialmente destinado à exploração comercial futura dos serviços de voz, vídeo e acesso à Internet por empreendedores locais ou pelos que venham a se fixar na cidade.

Já em março de 2008, o projeto chegou ao município de Petrópolis, na Região Serrana do Rio. A cidade Imperial ganhou seis locais públicos para acesso sem fio à web (os chamados hot zones) e ampliando a velocidade e o alcance da rede cabeada que já oferecia conectividade a prédios da administração pública e escolas informatizadas da região. Por fim, a última cidade iluminada com rede de Internet wireless foi a cidade de Barra do Piraí, na região do Médio Paraíba fluminense.

O Proderj também investe em outros programa de desenvolvimento digital, como o Liberdade Digital, um ambiente de aprendizagem de informática e de Internet para jovens em conflito com a lei, que cumprem medidas sócio-educativas em sistema de internação, semi-liberdade e liberdade assistida nas instituições do Degase (Departamento Geral de Ações Sócio-Educativas). 

Telecentros

Os telecentros também estão presentes no Estado. Existem atualmente 78 Centros de Internet Comunitária na capital, Região Metropolitana e Interior do estado do Rio, nos quais o cidadão tem a oportunidade de acessar a Internet em banda larga e receber gratuitamente noções básicas de informática e navegação, sempre com o auxílio de monitores treinados pela equipe técnica do Proderj. 

Há também, por meio da Fundação de Apoio à Escola Técnica (Faetec), o programa Faetec Digital, que tem por objetivo fomentar a inclusão digital através de acesso gratuito à internet banda larga. Os Centros de Democratização Digital (CDDs) disponibilizam aos usuários todos os serviços possíveis via web, tudo isso com o auxílio de monitores capacitados. Cada núcleo tem de seis a 12 computadores que funcionam no horário de 9h às 18h. Atualmente são 84 CDDs distribuídos em diversos municípios do Estado do Rio de Janeiro.

Governo Eletrônico

O Portal do Estado do Rio de Janeiro oferece cerca de 230 serviços públicos on-line à população, além de reunir links para sites de secretarias e órgãos estaduais. Através do Portal do Governo, a população também tem acesso a informações sobre os 92 municípios do estado do Rio de Janeiro e a links de serviços do Governo Federal, como consulta de CEP e lista de medicamentos genéricos.

São disponibilizados, em locais públicos, terminais de auto-atendimento para acesso da população ao Portal do Governo e para navegação livre por outros sites da Internet. Estão instalados totens em diversos órgãos do governo, como Palácio Guanabara, Centro Administrativo do Governo do Estado, Biblioteca Pública, Funesbom e unidades do Rio Simples. Também há terminais de auto-atendimento em pontos turísticos, como o Pão de Açúcar, e de grande afluência de pessoas, como o Saara. Fora da capital, os totens estão localizados em Maricá, Rio das Flores, Niterói, Nova Iguaçu, Ilha Grande, Volta Redonda, Visconde de Mauá e Paraty.

Existem mais de 150 sites governamentais, portais e aplicações web para secretarias e órgãos da administração pública estadual.

 

Fonte: Governo do Rio de Janeiro

 

Fatal error: Class 'Usuario' not found in /home/httpd/htdocs/redecibr/rcd/uni_coluna.php on line 2