Rede Cidade Digital, O que é Cidade Digital? Como funciona uma Cidade Digital? Como implementar Cidades Digitais? Lista das Cidades Digitais, Mapa das Cidades Digitais, Benefícios de uma Cidade Digital, Programa de Cidades Digitais do Governo Federal

Rede Cidade Digital - Programa de inclusão digital do Governo de SP registra mais de 4 milhões de acessos a internet em 2015
Programa de inclusão digital do Governo de SP registra mais de 4 milhões de acessos a internet em 2015

13/01/2016 09:57h

Programa de inclusão digital do Governo de SP registra mais de 4 milhões de acessos a internet em 2015

Os postos do Acessa SP atendem todas as Regiões Administrativas do Estado. A região de Santos teve a melhor taxa de ocupação

É possível saber como foi o desempenho no Posto do
Acessa SP em cada um dos municípios no site do
programa.

Com 850 postos espalhados no Estado de São Paulo para oferecer computadores e internet grátis, os postos do programa Acessa SP realizaram em 2015 mais de 4,3 milhões de atendimentos. No total, utilizaram gratuitamente os serviços dos postos 182.846 pessoas no último ano.

Nesses locais, os cidadãos podem utilizar computadores para fazer pesquisas, emitir documentos ou navegar livremente pela internet. Em 153 dos 850 postos já foi instalada a rede WiFi que, dependendo da localização do posto, pode ser acessada pelos usuários de seus dispositivos, como smartphones, em uma praça pública, por exemplo.

Das 15 Regiões Administrativas (RA), a de Santos, com 18 postos em funcionamento, teve a melhor taxa de ocupação na média anual, com 55,87%. Os postos do Acessa SP que funcionam em Itanhaém, no Poupatempo de Santos e no Mercado Municipal da cidade bateram recordes de atendimento, com ocupação das máquinas em 100% do tempo. Nos demais postos dessa região, a taxa média de ocupação variou de 21% a 78% no ano.

Com 94 postos instalados, a Região Administrativa de Sorocaba teve a segunda melhor taxa de ocupação, 37,73%, com o maior volume de atendimento nos postos das cidades de Tatuí, Itapeva, Guapiara, Boituva, Quadra e Itatinga. A região de São José dos Campos apresentou taxa de ocupação semelhante (37,28%). Nessa região funcionam 55 postos e o maior movimento foi nas unidades do Acessa SP de Cruzeiro, Guaratinguetá, São José dos Campos e no Acessa SP instalado no Poupatempo de Taubaté.

Em quarto lugar na taxa de ocupação, a Região Administrativa Metropolitana de São Paulo respondeu por 1,6 milhão de atendimentos nos 133 postos do Acessa SP. Lideraram os postos de Barueri, do Poupatempo Sé, Poupatempo Cidade Ademar, da CPTM Barra Funda, de Mauá e do Poupatempo Itaquera.

A Região Administrativa de Bauru fez 214,5 mil atendimentos nos 44 postos do Acessa SP (com taxa de ocupação média de 34,83%). Já a região de Marília fez 189,3 mil atendimentos nos 52 postos (33,62% de ocupação); a região de Araçatuba 164,9 mil atendimentos em 44 postos (32,61%); região Central, 114,8 mil atendimentos nos 29 postos (32,24%); e a região de Franca, 112,3 mil atendimentos nos 30 postos (30,78%).

Nas demais Regiões Administrativas – Campinas, Ribeirão Preto, Presidente Prudente, São José do Rio Preto, Registro e Barretos -, onde funcionam 351 postos do Acessa SP em diferentes municípios, a taxa média de ocupação ficou abaixo de 30%.

Acessa SP

O programa de inclusão digital do governo do Estado de São Paulo oferece gratuitamente acesso às tecnologias da informação e comunicação, em especial à internet. São 850 postos no Estado, 41 deles em áreas rurais, que funcionam em parceria com a Prefeitura. Nos postos, os usuários podem fazer pesquisas, cursos online ou usar os computadores conectados à internet para acessar serviços públicos, como Nota Fiscal Paulista, site da CDHU, da Receita Federal e até mesmo emitir notas como a e-GTA, da Secretaria da Agricultura, entre outros. Desde que começou a funcionar, em 2000, os postos do Acessa SP já realizaram 83,7 milhões de atendimentos e cadastraram mais de 3 milhões de usuários.

(Via Jornal Joseense News)