Rede Cidade Digital, O que é Cidade Digital? Como funciona uma Cidade Digital? Como implementar Cidades Digitais? Lista das Cidades Digitais, Mapa das Cidades Digitais, Benefícios de uma Cidade Digital, Programa de Cidades Digitais do Governo Federal

Rede Cidade Digital - Prefeitura de Jaguariaíva planeja início do Programa Cidades Digitais
Prefeitura de Jaguariaíva planeja início do Programa Cidades Digitais

11/09/2017 14:30h

Prefeitura de Jaguariaíva planeja início do Programa Cidades Digitais

Recursos foram liberados a fundo perdido pelo Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações

Entre as nove cidades paranaenses beneficiadas com o Programa Cidades Digitais, Jaguariaíva (PR) faz contagem regressiva para iniciar as obras de instalação da estrutura do programa. Com ele serão feitas conexões de rede via fibra óptica, entre órgãos públicos municipais, além de disponibilização de aplicativos de governo para gestão dos setores financeiro, tributário, da saúde e educação.

Segundo o prefeito José Sloboda, serão mais de 40 os órgãos públicos jaguariaivenses interligados via novo sistema de internet, que terá extensão de 25 quilômetros de fibra óptica subterrânea. Escolas, unidades de saúde, departamentos municipais, bibliotecas, cemei’s, entre outros espaços públicos estão na lista de selecionados para instalação. Próximo a esses pontos deve haver o sinal aberto de internet.

“Nosso município já disponibiliza o sinal aberto e gratuito de internet na Praça Getúlio Vargas, onde, em caso de necessidade, existe inclusive possibilidade de recarregar gratuitamente a bateria do celular, numa tomada de uso público. Embora a prioridade seja a integração do serviço público, a ampliação do acesso à internet também deve ocorrer com o Programa Cidades Digitais, com disponibilização do sinal aberto da rede Wi-Fi, num raio de 200 metros dos prédios públicos pré-selecionados’’, explica.

Os recursos já autorizados para a estrutura do Cidades Digitais em Jaguariaíva são de R$1.547.574,05. Sloboda relata que este montante foi liberado a fundo perdido pelo Ministério da Ciência, Tecnologia, Inovações e Comunicações. Para tratar deste e outros assuntos ele esteve em Brasília, no dia 15 de agosto, onde foi recebido pelo o diretor nacional do projeto, Américo Tristão Bernardes e o coordenador de Sistemas, Renan Ricardo Tolentim, e o deputado Sandro Alex, que fez trabalho técnico parlamentar para confirmação dos recursos à Jaguariaíva nesta primeira etapa.

O prefeito informa que, quando concluída, a obra somará mais eficiência ao serviço público. O resultado de um exame de saúde, por exemplo, poderá ser consultado pelo médico através de um sistema informatizado ou enviado até ele via internet. Haverá ainda economia de dinheiro público com redução de gastos como o de telefonia.

“A prefeitura tem hoje 62 linhas telefônicas e um custo médio de R$24 mil ao mês com este serviço. Com a implantação do Programa Cidades Digitais necessitaremos de uma linha, reduzindo os gastos em cerca de 30% com telefonia”, diz Sloboda. Mais um projeto municipal beneficiado será o de monitoramento de ruas através de câmeras de segurança, que está em processo de implantação e usará a rede do Cidades Digitais.

4G – Outra boa notícia para os usuários da internet em Jaguariaíva é a chegada do sinal 4G nos celulares. Em viagem a Brasília o prefeito José Sloboda reivindicou a potencialização do sinal. Em diálogo com Leandro Guerra, diretor de Relações Institucionais da empresa com maior alcance no município, o mesmo sinalizou que até o final do ano haverá providências para cobertura 4G pela operadora em Jaguariaíva.

Via Prefeitura de Jaguariaíva