Rede Cidade Digital, O que é Cidade Digital? Como funciona uma Cidade Digital? Como implementar Cidades Digitais? Lista das Cidades Digitais, Mapa das Cidades Digitais, Benefícios de uma Cidade Digital, Programa de Cidades Digitais do Governo Federal

Rede Cidade Digital - Google usa 'caixas laser' para conectar regiões remotas da Índia
Google usa 'caixas laser' para conectar regiões remotas da Índia

08/01/2018 11:23h

Google usa 'caixas laser' para conectar regiões remotas da Índia

Governo da região está adquirindo 2 mil unidades, que utilizam a tecnologia de Comunicação Espacial Óptica Livre

Com o projeto Loon, o Google usa balões em altas
altitudes para levar 4G a áreas remotas do planeta.

A Alphabet, holding que é dona do Google, está utilizando um novo método para levar conexão à internet a áreas remotas do planeta. Em vez de usar seu projeto de balões, o Loon Project, a empresa está testando um modelo de caixas que disparam feixes de laser para conectar regiões isoladas em Andhra Pradesh, no interior da Índia.

O governo da região está adquirindo 2 mil unidades, que utilizam a tecnologia de Comunicação Espacial Óptica Livre (FSOC, na sigla em inglês), do Laboratório X da Alphabet. No ano que vem, as caixas serão instaladas em telhados e postes de regiões que estão distantes de torres de celulares ou pontos de Wi-Fi.

Hoje, em Andhra Pradesh, menos de 20% da população de 53 milhões de pessoas tem acesso à internet. Até 2019, o governo pretende conectar 12 milhões de lares. Para a Alphabet, o projeto representa uma chance de capturar novos usuários da rede.

A tecnologia FSOC usada pela empresa é uma ramificação da utilizada no Projeto Loon, que coloca balões em alta altitude na estratosfera para fornecer o serviço de 4G. Recentemente, por exemplo, o Google levou seus balões para Porto Rico, onde eles ajudaram 100 mil pessoas a se conectarem à internet após a passagem do furacão Maria.

Além do Google, o Facebook também tem programas para levar internet para áreas remotas do globo. Em abril, a rede social conseguiu ultrapassar as barreiras de neutralidade da rede do governo indiano para começar a vendar seu Express WiFi no país — por um preço abaixo do mercado, indianos podem se conectar ao Facebook. Além disso, a companhia também desenvolve o drone Aquila, que pretende usar a tecnologia a laser para levar internet com velocidade de 2GB por segundo para lugares remotos.

Via Redação Link - O Estado de S.Paulo