Rede Cidade Digital, O que é Cidade Digital? Como funciona uma Cidade Digital? Como implementar Cidades Digitais? Lista das Cidades Digitais, Mapa das Cidades Digitais, Benefícios de uma Cidade Digital, Programa de Cidades Digitais do Governo Federal

Rede Cidade Digital - Florianópolis implanta sistema para gerenciamento de custos na Saúde
Florianópolis implanta sistema para gerenciamento de custos na Saúde

05/03/2018 16:00h

Florianópolis implanta sistema para gerenciamento de custos na Saúde

Equipe do Ministério da Saúde esteve em Florianópolis para capacitar diretores e gerentes da área

Divulgação/PMF

A Secretaria Municipal de Saúde está firmando mais uma parceria com o Ministério da saúde para a implantação do Programa Nacional de Gestão de Custos, que oferece ferramentas de gerenciamento de custos na área da saúde pública.

Uma equipe do Ministério esteve em Florianópolis, na quarta (28/02) e quinta-feira (01/03), para realizar a capacitação, dos gerentes e diretores da Secretaria de Saúde, sobre o funcionamento da plataforma, bem como, a utilização das informações geradas.

O secretário de Saúde, Carlos Alberto Justo da Silva, ressalta que a implantação do sistema irá aprimorar a qualidade dos serviços, principalmente, para o controle de gastos e análise dos dados. “Teremos à nossa disposição indicadores de todos os serviços oferecidos o que nos permitirá organizar e aperfeiçoar o atendimento à população”.

O Programa permite aos gestores das unidades de saúde:

• Conhecer e melhorar seus custos;
• Estimar o valor final de seus procedimentos e serviços;
• Identificar, com maior precisão, os centros de custos que consomem mais recursos que os orçados;
• Elaborar o orçamento com base nos custos apurados;
• Melhorar a utilização da capacidade instalada;
• Auxiliar na decisão de investir e incluir novos procedimentos na unidade; e
• Possibilitar a cuidadosa comparação de seus custos com outras unidades assemelhadas, com base em critérios adequados e conscientes.

Aos gestores do SUS, nas secretarias de saúde, o Programa permite:

• Estimar os custos de um novo serviço e/ou procedimento a ser disponibilizado à população;
• Auxiliar na elaboração do planejamento dos recursos disponíveis para a atenção a saúde;
• Analisar regionalmente o desempenho dos estabelecimentos, serviços e redes assistenciais, podendo otimizar o uso dos recursos públicos e consequentemente garantir maior acesso a custos mais adequados;
• Fortalecer o controle social por meio da transparência na utilização dos recursos; e
• Melhorar a gestão dos recursos do teto orçamentário municipal e estadual.

Via Prefeitura de Florianópolis