Rede Cidade Digital, O que é Cidade Digital? Como funciona uma Cidade Digital? Como implementar Cidades Digitais? Lista das Cidades Digitais, Mapa das Cidades Digitais, Benefícios de uma Cidade Digital, Programa de Cidades Digitais do Governo Federal

Rede Cidade Digital - “Internet Cidadã” garantirá Wi-Fi de graça nos hospitais municipais de João Pessoa (PB)
“Internet Cidadã” garantirá Wi-Fi de graça nos hospitais municipais de João Pessoa (PB)

12/07/2018 15:55h

“Internet Cidadã” garantirá Wi-Fi de graça nos hospitais municipais de João Pessoa (PB)

Locais que disponibilizarem a “Internet Cidadã” deverá haver cartazes com o login e código de acesso

Disponibilizar Wi-Fi gratuita e aberta nos hospitais públicos de João Pessoa. A ideia, batizada de “Internet Cidadã”, é um Projeto de Lei (PL) do presidente da Câmara Municipal de João Pessoa (CMJP), Marcos Vinícius (PSDB), que foi apresentado no primeiro semestre de 2018.

“Esta é mais uma forma de intensificar ações em prol da cidadania, democratizando o acesso à web e às informações. Ter acesso à internet hoje em dia deveria ser um direito essencial garantido a todos”, defendeu a proposta, o chefe do Legislativo pessoense.

O PL especifica que o serviço deve ser oferecido vinte e quatro horas por dia e que, para efetivar a “Internet Cidadã”, deverão ser observados, dentro do que for possível, os princípios da confiabilidade, integridade, disponibilidade e autenticidade dos sistemas de segurança da informação em sites e páginas oficiais.

Também entram nas regras para a implantação do serviço adotar canal com filtros que impeçam o acesso a conteúdos impróprios; sistemas de detecção de crimes, como pedofilia; e de identificação indevida de dados bancários do usuário, dentre outras ferramentas de proteção e segurança.

A iniciativa ainda estipula que, nos locais que disponibilizarem a “Internet Cidadã” deverá haver cartazes com o login e código de acesso, podendo este ser único para todos os pontos em que o serviço será implantado.

Agora, só depende do parecer da Comissão de Constituição e Justiça, Redação e Legislação Participativa da CMJP, onde o vereador Bruno Farias (PPS) é o relator da matéria. Caso a maioria dos parlamentares que compõem a CCJ acate a iniciativa, o PL vai a votação em plenário, se não precisar passar por outras Comissões Permanentes da Casa.

Via: Parlamento PB