Rede Cidade Digital, O que é Cidade Digital? Como funciona uma Cidade Digital? Como implementar Cidades Digitais? Lista das Cidades Digitais, Mapa das Cidades Digitais, Benefícios de uma Cidade Digital, Programa de Cidades Digitais do Governo Federal

Rede Cidade Digital - Governo do Maranhão lança programa de internet gratuita em São Luís
Governo do Maranhão lança programa de internet gratuita em São Luís

Por Rede Cidade Digital em 14/04/2014 16:31h

Governo do Maranhão lança programa de internet gratuita em São Luís

“Viva Internet” irá garantir acesso à rede via Wi-Fi em áreas turísticas, escolares e residenciais de São Luís.

Governo maranhense lança internet gratuita Wi-Fi em
São Luís. (Governo do Maranhão)

Foi lançado nesta sexta-feira (11), em São Luís – MA, o programa “Viva Internet”. A ação, inaugurada na Unidade de Segurança Comunitária (USC) da Vila Luizão, pela governadora, Roseana Sarney (PMDB), e o secretário de Estado de Planejamento e Orçamento (Seplan), João Bringel, tem por objetivo disponibilizar acesso gratuito à internet via Wi-Fi, disponível em áreas turísticas, escolares e residenciais da capital.

O programa, coordenado pela Seplan e executado com recursos do Banco Nacional de Desenvolvimento Econômico e Social (BNDES), integra os investimentos do Viva Maranhão, dentro do Projeto de Modernização e Ampliação dos Serviços da Tecnologia da Informação e Comunicação.

No lançamento, a governadora destacou a importância de promover a inclusão digital para os maranhenses. “Esse trabalho possibilita às pessoas que não podem pagar pelo serviço a conexão completamente de graça. Esta é uma das prioridades do nosso governo e, graças a Deus, estamos cumprindo o primeiro plano de inclusão digital no Maranhão. A intenção é estender o programa para toda a São Luís e para os municípios mais populosos do estado”, afirmou Roseana.

Os primeiros pontos ativos estão localizados na Avenida Litorânea e na Vila Luizão (com cobertura na Avenida Luizão, Feira da Vila Luizão e Unidade de Segurança Comunitária).

De acordo o secretário João Bringel, a iniciativa representa um agente de inclusão digital e social. “Para as famílias beneficiadas, isso significa proporcionar comunicação, facilitando o acesso ao e-mail, aos sites de notícias, às agências bancárias, às redes sociais, entre outros. É uma ferramenta que faz parte, inclusive, da resolução da Organização das Nações Unidas (ONU) de inclusão social. Ela vai gerar impacto na educação, na cultura e possibilitar a interação das pessoas”, pontuou.

O secretário também afirmou que todos os pontos programados para o primeiro semestre de 2014, já estão concluídos. “Ao todo, são 40 praças de acesso. Algumas ainda estão em testes e devem entrar em funcionamento em breve, como as áreas da rodoviária, Terminal de Integração, Praia Grande, Liceu Maranhense, Mercado do Peixe e Rua da Estrela”, explicou.

Segundo a copeira e moradora da Vila Luizão, Rosineide da Silva Barros, antes da implantação dos pontos de acesso, a internet era limitada. “Era muito lenta a nossa conexão. A maioria das operadoras não chega até aqui, nunca tem cabeamento disponível para as nossas casas. Agora, com esse programa, vai ser diferente. É uma ideia excelente. Vou espalhar a notícia e avisar até para os meus vizinhos”, comemorou.

Como funciona – Para ter acesso à rede Wi-Fi, o usuário terá que fazer o cadastro na página do Viva Internet (www.vivainternet.ma.gov.br), criada pela Secretaria de Adjunta de Tecnologia da Informação (Seati) da Seplan.

 

Fonte: Governo do Maranhão